O Ciclo de Vida do Produto (CVP)

O Ciclo de Vida do Produto (CVP)

O Ciclo de Vida do Produto (CVP) é baseado no ciclo de vida biológico. Por exemplo: uma semente é plantada (introdução); ela começa a brotar (crescimento); dela nasce folhas e se enraíza ao se tornar adulta (maturidade); depois de um longo período como um adulto a planta começa a murchar e morre (declínio).

Declínio

Neste ponto ocorre uma diminuição no mercado. Por exemplo: produtos mais inovadores são introduzidos ou o gosto de consumidores está mudado. Há intenso corte de preços e muitos mais produtos são retirados do mercado. O lucro pode ser aumentado através de redução do dinheiro gasto com marketing e corte de custos.

Problemas com o Ciclo de Vida do Produto

Em realidade muito poucos produtos seguem um ciclo tão prescrito. O período de cada estágio varia enormemente. As decisões de comerciantes podem mudar o estágio, por exemplo: da maturidade ao declínio causado pela diminuição de preços. Nem todos os produtos passam por cada estágio. Alguns vão da introdução ao declínio. Não é fácil dizer em qual estágio o produto está. Se lembre que o CVP é como todas as outras ferramentas de análise. O use como uma forma de auxílio.

Outra ferramenta do marketing para avaliar um produto é o Três Níveis de um Produto

Teoricamente o mesmo acontece a um produto. Depois do período de desenvolvimento ele é introduzido ou lançado no mercado; ele ganha mais e mais clientes ao longo do tempo; eventualmente o mercado se estabiliza e o produto se torna maduro; então depois de um tempo o produto se torna ultrapassado pelo desenvolvimento e introdução de competidores superiores, ele encara sua fase de declínio e é eventualmente retirado do mercado. Apesar disso, muitos produtos falham na fase introdutória. Outros têm fases de maturidade muito cíclicas onde com o declínio têm o produto promovido para resgatar clientes.

PLC

Estratégicas para os estágios de diferenciação do Ciclo de Vida do Produto.

Introdução

A necessidade de lucro imediato não é uma pressão. O produto é promovido para que ele se torne conhecido. Se o produto não tem ou tem apenas alguns competidores, uma estratégia ´skimming´ de preço é aplicada, onde se deve concentrar em um grupo específico de clientes os quais não se importarão de pagar um preço mais alto ao produto. Um número limitado de produtos estão disponíveis em poucos canais de distribuição.

Crescimento

Competidores são atraídos ao mercado com ofertas muitos similares. Produtos se tornam mais lucrativos e companhias formam alianças, tomam riscos conjuntos e se tornam parte uma da outra. O gasto com propaganda é alto e se foca no crescimento da marca do produto. Market share (fatia do mercado) tende-se a estabilizar.

Maturidade

Os produtos que sobrevivem nos primeiros estágios tendem a gastar mais tempo nesta fase. O número de vendas alcançam uma taxa de crescimento e se estabiliza. A tentativa de produtores para diferenciar seus produtos e marcas é um ponto chave nesta fase. A guerra de preços e intensa competição ocorre. Neste ponto o mercado alcança saturação. Produtores começam a deixar o mercado por baixas margens de venda. Promoção se torna mais difundida e a midia é utilizada com mais variedade.